segunda-feira, 14 de abril de 2014

TAILS LINUX + MODEM 3G = FUNFA

Deep Web: não saia de casa sem ela!

Olha o meu mais novo brinquedo.


Não, não é o modem 3g.

Aliás, esse modem é até bem velhinho. Ficava largado na minha mochila, já que o chip costuma ficar no meu tablet.

Mas no último final de semana me peguei pensando se seria possível bootar uma distro Linux de um cartão microSD através de um modem 3g. A BIOS do meu notebook é meio melindrosa em relação a conversores USB<>microSD.

Para minha surpresa, funcionou. A única diferença que notei - e pode ser impressão minha - é que o Tor demorou mais do que o usual para subir.

O que eu usei:

  • A imagem .iso mais recente do Tails (que pode ser qualquer outra distro Linux que possua versão live).
  • Um cartão microSD com no mínimo 4GB.
  • Um chip com plano de dados.
  • Um modem 3g. E é aí que a porca torceu o rabo. Eu testei dois modelos. O que funcionou (da foto aí de cima), foi um ZTE MF110. Também testei um Huawei E156B, mas sem sucesso. Suspeito que tenha algo a ver com o particionamento dele, que é diferente do ZTE.

Acho que nem preciso avisar meus amigos ráquis, mas usar o Tails em uma conexão 3g dessa maneira é, em certo sentido, um contrassenso. De qualquer maneira, é divertido.





P.S.: enquanto digito este post, esbarro com este artigo da Wired, afirmando que Edward Snowden também usou o Tails pra alegrar a vida das agências de segurança americanas, hahaha!!!

domingo, 13 de abril de 2014

[ROTEIRO DE HQ] OS ZUMBIS FILOSÓFICOS DA CIDADE SORRISO

Liberei o roteiro para a hq OS ZUMBIS FILOSÓFICOS DA CIDADE SORRISO, escrita para o mega-super-duperu-álbum CIDADE SORRISO DOS MORTOS-VIVOS.

(os títulos foram a mais pura coincidência)



O roteiro pode ser lido (e baixado) aqui:

https://docs.google.com/document/d/1Gt9FHZryJ7hNZss8qPH-Z10jrkUrpVHtO5KwXngOEB8/edit



sexta-feira, 11 de abril de 2014

GOOGLE KLOUT

Pode ser que já o recurso já estivesse por aí, mas eu só vi ontem (ou hoje, se você fizer mesmo questão) de madrugada.

Dando uma olhada em meu próprio perfil no Google Plus, notei algo diferente na barra superior.

É necessário rolar o perfil um pouco para baixo para que os números sejam exibidos.*
O Google passou a informar o número de pessoas que me seguem, que parece diferir ligeiramente do número de pessoas que me colocaram em seus círculos (hihihi...), e também o número de page views do meu perfil. E foi isso o que me impressionou.

Agora há pouco, enquanto escrevo esse post, o número de page views está em 124580, ou seja, em menos de 13 horas, eu tive mais 1843 visualizações. Pode isso Arnaldo?

Acho que não.

A contagem total do meu blog, que já vai bater nos 12 anos, não chega nem perto. Tudo bem, eu mudei o mecanismo de contagem diversas vezes, e os valores que estou usando agora são os do sistema do Blogger, que foi ativado em Maio de 2007, ou seja, cinco anos ficaram ignorados nessa baciada. Mesmo assim, é uma diferença absurda.

Se não estou enganado, meu perfil no Google+ foi ativado em Julho de 2011. Arrendondando tudo, e fazendo uma conta de padaria, são 1015 dias até hoje. Então temos uma média de 123 visualizações diárias.

Até entendo que atualmente, dadas as circunstâncias, um perfil em uma rede social possa ter mais alcance que o blog pessoal de um ilustre desconhecido. Mesmo assim, fiquei com uma pulga atrás da orelha.

O próprio Google avisou que esse (un)feature é experimental, mas o problema, a meu ver, é que esses valores ficam expostos para qualquer pessoa. Se você for no meu perfil (ou em qualquer outro), mesmo sem estar logado no Google, será possível ver esses números.

Me lembrou um pouco os primórdios do Klout, um serviço que se propões justamente a medir a "influência" das pessoas na internet, através de critérios meio suspeitos. Ou superficiais.

E como pageviews (muito confundidos com influência) acabam virando moeda de troca na rede mundial de computadores, espere ver gente dando carteirada com o número de page views do Google+.

Ou não, porque (quase) ninguém usa o G+ mesmo.

*Depois eu percebi que NÃO é necessário rolar o perfil para que a contagem seja exibida.


terça-feira, 11 de março de 2014

FARGO, A SÉRIE

Os irmãos Coen estão desenvolvendo uma série de TV baseada no filme homônimo de 1996, também deles. Eu gostei do filme. E o teaser abaixo me perturbou.

)

quinta-feira, 6 de março de 2014

ENTÃO SATOSHI É SATOSHI MESMO.

Duas coisas realmente irrelevantes (mas engraçadas) nessa história de terem descoberto a identidade do criador da Bitcoin:

1) Satoshi Nakamoto REALMENTE se chama Satoshi Nakamoto.

2) Segundo teorias de sua... hmmmm... segunda ex-esposa, ele criou a criptomoeda mais usada no mundo para não pagar impostos sobre os trenzinhos de brinque... digo, material de ferromodelismo que importava da Inglaterra. Faz sentido.

No mais, o artigo (em inglês) é bem interessante:

http://mag.newsweek.com/2014/03/14/bitcoin-satoshi-nakamoto.html

sábado, 22 de fevereiro de 2014

J-10 VS F-22

Mas vejam só que maravilha acabei de encontrar internets afora.

#aviões #bichos #china #sandice-oriental



(roubei o link aqui)

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

INSTAFAME

Acho que nunca vou grokar direito coisas como o Instagram e quejandos.

Mas não deixo de me interessar pelos movimentos/consequências dessas tecnologias, principalmente entre os xóvenz.

INSTAFAME, do Sylvain Labs (em inglês).