terça-feira, 16 de janeiro de 2007

MODÉSTIA POUCA É BOBAGEM



Não vou entrar muito em detalhes. Li a notícia no blog do Pablo, e aconselho você a dar uma passada lá para uma cobertura completa.
Resumindo tudo, Emir Ribeiro, pai da Velta, comparou-se, numa comunidade do Orkut, a Alan Moore, que todo mundo aqui deve saber quem é.
Ao que parece, segundo o próprio Emir, o ponto de interseção entre os trabalhos de ambos seria o caráter transgressivo dos seus quadrinhos.
Ok.
Contudo, há um ponto a observar.
Uma coisa é ser transgressor estando na folha de pagamento de uma das maiores (em termos quantitativos) editoras dos EUA, publicando num dos mercados mais caretas do mundo.
Outra coisa é ser transgressor em publicações de menor porte ou até independentes, que sofrem menos (quando sofrem) pressões públicas e onde, invariavelmente, pode-se falar o que lhe der na veneta.

2 comentários:

  1. É fuóda. Vcs riem, mas eu quando vejo esse tipo de coisa fico muito triste. <=(

    ResponderExcluir
  2. É rir para não chorar.

    ResponderExcluir